www.ECfreios.com.br
Hoje -   -  

                    

 
I
nformações

Sistemas de Freio

FREIO HIDRÁULICO: Distribui a força por meio de pressão em um líquido, agindo nas sapatas por meio de pistões.



FREIO A AR COMPRIMIDO: Devido à versatilidade deste fluido, é geralmente empregado nos veículos de grande porte, onde o sistema hidráulico não é recomendável, face às elevadas pressões exigidas para a eficiência dos freios. Com isso, o sistema hidráulico apresentaria nos elementos de vedação, uma vida útil limitada, provocando trocas freqüentes, além de possíveis vazamentos perigosos. O motorista controla, através do pedal do freio, a pressão que atuará nos diafragmas dos cilindros pneumáticos.



FREIO A DISCO: Neste freio, a força de frenagem é obtida pressionando-se duas pastilhas contra o disco de freio. É necessário que o disco seja submetido, nas duas faces laterais, a forças iguais com o objetivo de não desgastar desigualmente o disco e as pastilhas.

Há duas versões de freio a disco: com pinça fixa (fig. 1) possuindo dois ou mais êmbolos, e do tipo flutuante (fig. 2) com um só êmbolo. No tipo de dois êmbolos, cada êmbolo aciona uma pastilha de freio contra a face do disco, e por possuir dois êmbolos, o que fica localizado do lado da roda é um pouco menos resfriado pelo movimento do veículo, tendo que dissipar o calor gerado durante a frenagem pelo corpo da pinça e pelo fluido de freio. Como neste tipo de construção a dissipação do calor é menor, exige que tal freio seja utilizado com fluido para freio tipo especial para alta temperatura.

fig. 1 fig. 2

Vantagens do freio a disco: ser auto-regulável, superfície de frenagem plana, maior refrigeração e limpeza, facilidade de manutenção, frenagem uniforme mesmo em freadas bruscas.

Existe uma tendência de substituição do sistema de freio a tambor por freio a disco em todos os veículos (inclusive linha pesada), devido às vantagens acima mencionadas. Para que isso ocorra totalmente, necessita-se desenvolver materiais para pastilhas que suportem temperaturas mais elevadas, devido à área de frenagem das mesmas ser pequena. Há também um estudo em cima dos discos de freio, para que os mesmos apresentem boa condutibilidade térmica (ventilados), elevada resistência à abrasão, à fadiga térmica, à corrosão e boa resistência mecânica.

FREIO MOTOR: A sua atuação ocorre no sistema de escapamento do motor, por obstrução parcial da saída dos gases, através de uma borboleta . Desta forma, o motor oferece uma resistência ao deslocamento do veículo.

 

 

COPYRIGHT 2004 - EC Freios Ind. Ltda By Alan Weslley